Polícia

Golpistas ‘liberam’ falso empréstimo com valor a mais e cobram devolução

Diariamente os estelionatários buscam novas formas de agir para lesar o cidadão. Nesta terça-feira (23), um homem de 31 anos, morador em Campo Grande, procurou a Polícia Civil para denunciar um golpe. Ele perdeu R$ 560, mas poderia ter sido mais, caso não percebesse a tempo a ação criminosa. A vítima explica que tudo começou […]

Renan Nucci Publicado em 23/02/2021, às 13h44

Foto Ilustrativa
Foto Ilustrativa - Foto Ilustrativa

Diariamente os estelionatários buscam novas formas de agir para lesar o cidadão. Nesta terça-feira (23), um homem de 31 anos, morador em Campo Grande, procurou a Polícia Civil para denunciar um golpe. Ele perdeu R$ 560, mas poderia ter sido mais, caso não percebesse a tempo a ação criminosa.

A vítima explica que tudo começou a partir de uma tentativa de empréstimo. No dia 17 de fevereiro, o homem viu um anúncio de uma financeira nas redes sociais, entrou em contato e passou a negociar a aquisição de empréstimo no valor de R$ 50 mil, para parcelar em 36 parcelas. 

As negociações avançaram e, na segunda-feira (22), a vítima foi informada que deveria pagar o valor de R$ 560 a título de seguro do empréstimo. Sem imaginar que estava sendo enganado, o consumidor efetuou o pagamento. No entanto, o valor não foi liberado, motivo pelo qual ele acionou a financeira.

Ao fazer contato, recebeu um comprovante no valor de R$ 52.512,00. Porém, o valor era a mais do que ele havia contratado e estava bloqueado. Sendo assim, para que recebesse os R$ 50 mil, teria que antecipar à empresa a diferença de R$ 2.512,00. Ele então constatou que seria um golpe e acionou a polícia.

O caso é investigado.

Jornal Midiamax