Polícia

Foragido por estuprar enteada, homem acaba preso após 1 ano durante operação em MS

O crime aconteceu entre 2015 e 2019

Thatiana Melo Publicado em 19/07/2021, às 09h13

None
(Divulgação PC)

Foi preso, na manhã desta segunda-feira (19), em uma ação continuada da Operação Acalento, em Corumbá, a 444 quilômetros de Campo Grande, um homem de 40 anos, acusado de estuprar a enteada. 

Ele estava foragido depois da decretação de sua prisão em 2020. O homem acabou encontrado, na manhã desta segunda (19), e levado para a Daiji  (Delegacia de Atendimento à Infância, Juventude e Idoso). Os abusos contra a menina aconteceram entre os anos de 2015 e 2019. 

Ao todo, durante a operação Acalento, a Daiji de Corumbá realizou a prisão de 8 homens acusados de prática de crimes contra crianças e adolescentes, a maioria deles já condenados pela Justiça. 

Operação

A ação principal da Operação Acalento, que acontece desde o dia 4 de junho, teve seu dia D, na última sexta-feira (16), com cumprimento de 23 mandados de prisão. Neste período, de pouco mais de um mês, foram 76 pessoas presas em todo Estado e houve cumprimento de 60 mandados de prisão.

Também foram solicitadas 31 medidas protetivas. A ação é realizada em território nacional e faz parte de ação inédita coordenada pelo Ministério de Justiça e Segurança Pública. Na ação de sexta-feira (16), entre os presos estava um idoso de 83 anos, marido de uma babá que abusava das crianças que a mulher cuidava.

Outro preso foi um pedreiro que cometeu o crime enquanto prestava serviço em uma casa. O pedreiro, inclusive, já tinha outras condenações por estupro e estava em liberdade. Cerca de 30 policiais participaram da operação.

Jornal Midiamax