Polícia

Ex-namorado revira apartamento, persegue mulher e ameaça colocar fogo em carro 

Uma mulher de 32 anos procurou a delegacia de Polícia Civil após ser perseguida e ameaçada pelo ex-namorado, em Campo Grande. Na última segunda-feira (11), o homem invadiu o apartamento da mulher e o revirou todo. Depois passou a persegui-la no trânsito e ameaçou colocar fogo no carro da vítima. O caso foi registrado na […]

Dayene Paz Publicado em 14/01/2021, às 07h25 - Atualizado às 11h48

Vítima prestou depoimento na Deam (Arquivo, Midiamax)
Vítima prestou depoimento na Deam (Arquivo, Midiamax) - Vítima prestou depoimento na Deam (Arquivo, Midiamax)

Uma mulher de 32 anos procurou a delegacia de Polícia Civil após ser perseguida e ameaçada pelo ex-namorado, em Campo Grande. Na última segunda-feira (11), o homem invadiu o apartamento da mulher e o revirou todo. Depois passou a persegui-la no trânsito e ameaçou colocar fogo no carro da vítima. O caso foi registrado na Deam (Delegacia de Atendimento à Mulher) nesta quarta-feira (13).

De acordo com as informações do boletim de ocorrência, a vítima contou que namorou com o autor por cerca de dez meses, sendo que estão há duas semanas separados. A mulher já registrou dois boletins de ocorrência contra o homem e inclusive já possui medidas protetivas de urgência.

Na última segunda-feira, ao chegar em seu apartamento, a vítima o encontrou todo revirado e se deu conta que seus documentos pessoais haviam sido furtados pelo ex-namorado. Já no dia seguinte, terça-feira (12), a mulher seguia em seu veículo, próximo ao Mercadão, quando percebeu que estava sendo perseguida por ele. Então, estacionou o carro e entrou em uma loja para despistá-lo.

No entanto, o homem de 32 anos também entrou na loja, afirmando que queria conversar. Já no lado de fora, a mulher mostrou o pedido de medida protetiva e o homem foi embora. Com medo, a vítima afirmou que trocou de veículo com uma amiga e conseguiu despistar o autor. Já nesta quarta-feira, o homem foi até a residência da irmã da vítima e fez ameaças. Segundo a ocorrência, o suspeito fez ameaças de morte, afirmando também que queimaria o carro da vítima e destruiria o restaurante dela.

Diante disso, a mulher procurou a delegacia especializada, que tomará as medidas pertinentes e investigará o caso.

Jornal Midiamax