Maria do Carmo Brasil Nolasco, de 72 anos

Maria tinha marcas de facadas no pescoço, segundo a polícia, e o caso é tratado como feminicídio e tentativa de homicídio.