Polícia

Enquanto patrão se recuperava de coronavírus, funcionário desviava dinheiro do caixa

O proprietário de um bar chique e de muito movimento na região central de Dourados procurou a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário),  para denunciar que um de seus funcionários desviou dinheiro do caixa enquanto ele se recuperava de coronavírus em casa. Em relato à polícia o denunciante disse que no mês dezembro descobriu que […]

Marcos Morandi Publicado em 16/01/2021, às 07h17

Caso foi registrado na Depac de Dourados como estelionato.(Foto: Marcos Morandi)
Caso foi registrado na Depac de Dourados como estelionato.(Foto: Marcos Morandi) - Caso foi registrado na Depac de Dourados como estelionato.(Foto: Marcos Morandi)

O proprietário de um bar chique e de muito movimento na região central de Dourados procurou a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário),  para denunciar que um de seus funcionários desviou dinheiro do caixa enquanto ele se recuperava de coronavírus em casa.

Em relato à polícia o denunciante disse que no mês dezembro descobriu que estava com a doença. No período de isolamento ele deixou uma pessoa responsável pelo caixa da empresa e gerenciar o os pagamentos dos funcionários e fornecedores, tinha acesso aos talões de cheques.

Para facilitar o trabalho do funcionário o dono do bar deixou algumas lâminas de cheques assinadas. Depois de desconfiar que o rapaz deixou de repassar o valor de R$ 380 recebido de uma cliente, o proprietário chamou o funcionário para conversar depois que voltasse da quarentena.

Após fazer acerto com o caixa, o proprietário disse que teria combinado para repassar algumas comissões nesta sexta-feira (15). Entretanto, durante análise dos extratos acabou descobrindo que o funcionário utilizou uma das lâminas assinadas e retirou R$ 3.600 da conta do empresário.

Jornal Midiamax