Polícia

Durante prisão de traficantes, chefe de organização criminosa engole droga e oferece dinheiro para policiais

Ao todo 34,3 kg de entorpecente foram apreendidos, incluindo pasta-base de cocaína e maconha

Danielle Errobidarte Publicado em 08/06/2021, às 17h55

None
(Foto: Divulgação/ Denar)

Três traficantes, de 22, 29 e 41 anos, foram presos na tarde desta terça-feira (8) nos bairros Alves Pereira e Cohab, na Capital. Durante a prisão, o chefe da organização criminosa engoliu parte do entorpecente, ofereceu dinheiros aos policiais da Denar (Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico) e resistiu à prisão.

A apreensão foi feita durante a Operação Narco Brasil, realizada pela especializada para repressão ao narcotráfico. Ao todo foram apreendidos 44 tabletes e mais três porções de maconha, 12 ‘paradinhas’ de pasta-base de cocaína, duas balanças de precisão e dinheiro oriundo da venda dos entorpecentes.

Além da residência do chefe da organização, os policiais localizaram mais dois pontos de armazenamento, chamados de “guarda-roupas”, onde as drogas eram estocadas e estavam sob responsabilidade dos outros dois presos.

O trio foi preso em flagrante pelo crime de tráfico de drogas e associação para o tráfico. Além disso, o chefe do esquema criminoso vai responder por resistência e corrupção ativa.

Jornal Midiamax