Polícia

Crime na fronteira de MS: Comerciante é morto em padaria após reagir a assalto

Vítima foi atingida enquanto tomava café na manhã desta terça-feira em Ponta Porã

Marcos Morandi Publicado em 16/11/2021, às 09h19

Vítima chegou a ser atendida pelo Corpo de Bombeiros e Samu, mas não resistiu
Vítima chegou a ser atendida pelo Corpo de Bombeiros e Samu, mas não resistiu - Reprodução/redes sociais

O empresário baleado, na manhã desta terça-feira (16), em uma padaria localizada na região central de Ponta Porã, cidade que faz fronteira com Pedro Juan Caballero, no Paraguai, foi identificado como Badih Mohamed Salém, de 49 anos. Ele foi executado enquanto tomava café. 

Ainda segundo informações da Polícia Civil de Ponta Porã, com base em relatos de testemunhas que estavam no local do crime, ele foi morto após reagir a uma tentativa de assalto praticada por duas pessoas. Ao sacar uma pistola, ele acabou atingido.

De acordo com informações até agora apuradas, o homicídio aconteceu em frente à secretaria de Saúde de Ponta Porã, enquanto Badih tomava café. Ele era conhecido tanto em Ponta Porã, no Jardim Ipanema, onde morava, quanto em Pedro Juan Caballero, como ‘Badim’ e tinha negócios nas duas cidades.

Atendido pelas equipes do Corpo de Bombeiro e também do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), Badih não resistiu e morreu. Em Pedro Juan Caballero, ele era proprietário da Jazmin Center.

Policiais do SIG (Setor de Investigações Gerais) da Polícia Civil e também do Paraguai, brasileiros e paraguaios fazem buscas na região. Os assaltantes chegaram ao local a pé e teriam fugido em um veículo, que não se sabe se é do empresário assassinado.

Jornal Midiamax