Polícia

Confusão no CCZ: mulher tenta levar animal recolhido e agride funcionário com socos e arranhões

Caso foi parar na delegacia de polícia

Gabriel Maymone Publicado em 04/09/2021, às 22h11

CCZ de Campo Grande
CCZ de Campo Grande - Divulgação

Funcionário do CCZ (Centro de Controle de Zoonose) de Campo Grande foi agredido com socos e arranhões, por volta das 20h30 deste sábado (04), por uma mulher que procurava por um cachorro que teria sido recolhido pela equipe do órgão municipal.

Conforme relatado pelo funcionário à polícia, a mulher foi ao local alegando estar procurando por uma cachorrinha que teria fugido de casa e havia sido recolhida pelo CCZ.

Ele relatou que a mulher estava alterada e, ao encontrar a cachorrinha, foi indo abrir a porta do canil, momento em que o funcionário entrou na frente para orientá-la sobre os procedimentos para a retirada do cão.

Nesse momento, ela o teria desferido socos e arranhões, deixando-o com lesões no rosto e pescoço. 

Após a confusão, a mulher foi orientada a preencher um formulário para retirar o animal.

Dessa forma, o caso foi registrado na Depac-Centro (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) como lesão corporal dolosa e perturbação do trabalho ou sôssego alheio. 

Jornal Midiamax