Polícia

Com machadinha nas mãos, garoto invade casa e estupra moradora

Adolescente será encaminhado para a Unei

Thatiana Melo Publicado em 28/05/2021, às 12h38

None
(Ilustrativa)

Deverá ser levado novamente para a Unei (Unidade Educacional de Internação), um garoto de 17 anos, que invadiu uma casa na cidade de Caarapó a 273 quilômetros de Campo Grande e estuprou a moradora de 54 anos. Ele estava com uma machadinha fazendo ameaças a vítima.

O garoto que estava cumprindo pena domiciliar em regime excepcional, após contrair Covid-19 teve decisão publicada nesta sexta-feira (28), no Diário da Justiça para que voltasse a Unei a pedido do MP (Ministério Público), sendo que foi acatado pelo juiz.

O adolescente estava cumprindo medida sócio educativa depois de estuprar uma mulher em janeiro de 2020. Segundo os autos, no dia do crime, o garoto estava observando sua vizinha, e quando a viu entrar na residência desligou o padrão de energia elétrica da casa dela, fazendo com que a vítima saísse da residência, e foi nesse momento que o garoto invadiu a casa e se escondeu.

Quando a mulher voltou para o interior da residência foi tomar banho e neste momento, o garoto que estava com uma machadinha a atacou. Ela chegou a gritar por socorro, mas o adolescente a derrubou no chão, tapou a boca da vítima e a arrastou do banheiro para cima da cama, onde a estuprou.

Ele foi condenado com aplicação de medida socioeducativa de internação, por prazo indeterminado, cuja reavaliação será feita no prazo de seis meses.

Jornal Midiamax