Polícia

Casal é preso em residência usada para desmanchar motos em Campo Grande

Duas motos foram apreendidas pelo Choque, além de várias peças de veículos

Dayene Paz Publicado em 24/04/2021, às 13h44

None
Local usado para desmanchar motos | Imagem: Divulgação

Um casal foi preso na noite desta sexta-feira (23) acusado de desmanchar motos em uma residência do Jardim Sumatra, em Campo Grande. No local, policiais militares do Batalhão de Choque encontraram várias peças de motocicletas produtos de crime. Os dois presos foram levados para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Cepol.

Os militares faziam diligências pela região, quando notaram quatro homens em frente a uma residência e várias peças de moto. Foi feita a abordagem ao rapaz de 20 anos, que relatou ser morador da casa e também que estava vendendo peças de uma moto de sua propriedade.

Já dentro da casa, os policiais encontraram a namorada do rapaz, uma jovem também de 20 anos, que alegou ser a proprietária do imóvel. No terreno haviam duas motocicletas, uma com motor adulterado e também diversas peças. Em consulta foi descoberto que os veículos eram produto de crime.

O autor então confessou que uma das motos, uma Pop 100 de cor preta, teria sido furtada por ele, mas disse que não tinha conhecimento da origem das demais peças. Já a namorada disse saber que a Pop era furtada e que a residência era usada para realizar o desmanche das motocicletas furtadas ou roubadas. A jovem também disse que autorizava que as peças de motos permanecessem na residência.

O casal foi preso e levado para a Depac Cepol. Duas motos e peças foram levadas para a Defurv (Delegacia Especializada de Repressão a Roubos e Furtos de Veículos).

Jornal Midiamax