Polícia

Após tentativa de resgate, presidente do Paraguai expulsa chefe do PCC ‘Bonitão’ do país

Após tentativa fracassada do resgate de Giovanni Barboza da Silva, o ‘Bonitão’, o presidente do Paraguai Mario Abdo solicitou a expulsão do chefe do PCC (Primeiro Comando da Capital) daquele país. Preso em Pedro Juan Caballero, ele foi levado até Ciudad del Este neste domingo (10), onde deve ser feita a expulsão pela Ponte da […]

Renata Portela Publicado em 10/01/2021, às 11h35 - Atualizado às 12h07

'Bonitão' foi levado de avião até Ciudad del Este (Foto: ABC Color)
'Bonitão' foi levado de avião até Ciudad del Este (Foto: ABC Color) - 'Bonitão' foi levado de avião até Ciudad del Este (Foto: ABC Color)

Após tentativa fracassada do resgate de Giovanni Barboza da Silva, o ‘Bonitão’, o presidente do Paraguai Mario Abdo solicitou a expulsão do chefe do PCC (Primeiro Comando da Capital) daquele país. Preso em Pedro Juan Caballero, ele foi levado até Ciudad del Este neste domingo (10), onde deve ser feita a expulsão pela Ponte da Amizade.

Na madrugada deste domingo, momentos após a prisão da liderança do PCC, grupo fortemente armado com fuzis teria invadido o departamento de investigação onde ele estava. Um policial paraguaio chegou a ser feito refém e houve troca de tiros, mas a tentativa de resgate foi frustrada.

Após tentativa de resgate, presidente do Paraguai expulsa chefe do PCC ‘Bonitão’ do país
‘Bonitão’ do PCC está preso no Paraguai (Foto: ABC Color)

Após o ocorrido, o presidente do Paraguai se manifestou pelas redes sociais. Mario Abdo afirmou que, por conta do ataque à sede policial a mando do PCC, para liberar Giovanni, considerado líder da facção criminosa, foi ordenada a expulsão imediata do país, do cidadão brasileiro. “Todo nosso apoio aos órgãos de segurança nacional”, finalizou.

A prisão de Bonitão teria ocorrido durante investigação feita pelo Ministério Público e Polícia paraguaia. Por volta das 10 horas deste domingo, conforme o ABC Color, o preso foi colocado em um avião e levado até Ciudad del Este. Ainda não há informação de onde ele ficará preso em território brasileiro.

Jornal Midiamax