Polícia

Acusado de queimar órgão genital de enteado de 2 anos e sufocar filha de 2 meses é preso

Fato aconteceu na região de fronteira

Renata Portela Publicado em 01/10/2021, às 18h15

Suspeito foi detido em flagrante
Suspeito foi detido em flagrante - (Foto: Rádio Império)

Foi preso um homem acusado de violência doméstica contra os dois enteados em Pedro Juan Caballero (PY), na fronteira com Ponta Porã, a 346 quilômetros de Campo Grande. Ele é acusado de queimar o órgão genital do menino de 2 anos e tentar sufocar a bebê, de 2 meses, com um travesseiro.

A prisão foi feita na quinta-feira (30), pela Terceira Delegacia. Conforme a denúncia da mãe das crianças, o homem queimou o órgão genital do menino com uma vela derretida e ainda tentou sufocar a bebê, de 2 meses, com um travesseiro.

As crianças foram encaminhadas ao Hospital Regional e tratadas na maternidade. Segundo o site Rádio Império, o homem tem passagens por homicídio doloso em 2012, tentativa de homicídio em 2016 e ainda roubo qualificado em 2020.

Jornal Midiamax