Polícia

Campo-grandense que atua como taxista na Inglaterra é condenado por abusar de crianças

O campo-grandense Genival Selvoni de 44 anos foi condenado a 28 meses de prisão em Grandison Rise, Tupsley, Hereford, Inglaterra, por abusar de crianças e pela prática de voyeurismo, que consiste na observação de uma, ou mais pessoas no ato de se despir, ou em atos sexuais e sem saber que está sendo observada. Genival […]

Diego Alves Publicado em 19/08/2020, às 22h15 - Atualizado em 20/08/2020, às 17h19

Montagem com a corte de julgamento ao fundo e Genival (Hereford Times)
Montagem com a corte de julgamento ao fundo e Genival (Hereford Times) - Montagem com a corte de julgamento ao fundo e Genival (Hereford Times)

O campo-grandense Genival Selvoni de 44 anos foi condenado a 28 meses de prisão em Grandison Rise, Tupsley, Hereford, Inglaterra, por abusar de crianças e pela prática de voyeurismo, que consiste na observação de uma, ou mais pessoas no ato de se despir, ou em atos sexuais e sem saber que está sendo observada.

Genival que trabalhava como taxista na Inglaterra, foi condenado pelo juiz Nicolas Cartwright, publicou o site Hereford Times. De acordo com a denúncia, Genival foi condenado por abusar de duas meninas, menores de 13 anos e pelo ato do voyeurismo.

Além dos abusos, as denúncias consistem em registrar uma pessoa fazendo um ato privado, duas acusações de instalação de equipamento ou adaptação de uma estrutura para registrar ato privado em residência e outra acusação de fazer uma fotografia sem permissão da vítima.

Jornal Midiamax