Polícia

Sequestradores de político paraguaio não fizeram contato com a família

A família do ex-vice-presidente do Paraguai, Óscar Denis, sequestrado na noite de quarta-feira (9), na cidade de Bella Vista Norte, que fica na fronteira com o Brasil, na região da cidade sul-mato-grossense Bela Vista,  informou em entrevista coletiva que ainda não  recebeu nenhum contato dos membros do EPP (Exército do Povo Paraguaio). As filhas do […]

Marcos Morandi Publicado em 10/09/2020, às 10h36 - Atualizado às 10h43

Filhas do ex-vice presidente conversou com a imprensa paraguaia.(Foto: Aldo Cardozo, ABC Color)
Filhas do ex-vice presidente conversou com a imprensa paraguaia.(Foto: Aldo Cardozo, ABC Color) - Filhas do ex-vice presidente conversou com a imprensa paraguaia.(Foto: Aldo Cardozo, ABC Color)

A família do ex-vice-presidente do Paraguai, Óscar Denis, sequestrado na noite de quarta-feira (9), na cidade de Bella Vista Norte, que fica na fronteira com o Brasil, na região da cidade sul-mato-grossense Bela Vista,  informou em entrevista coletiva que ainda não  recebeu nenhum contato dos membros do EPP (Exército do Povo Paraguaio).

As filhas do político paraguaio fizeram um apelo e ressaltaram que ele sofre de alguns problemas de saúde e depende de medicamentos. Maria Beatriz Denis, uma das três filhas de Óscar, segundo o ABC Color, pediu aos sequestradores que deem as doses necessárias ao pai.

Ela chegou a apresentar uma lista dos remédios usados por ele no tratamento de diabetes e hipertensão. “Pedimos que se comuniquem, que sejamos abertos, que vamos ouvi-los”, afirmou Maria Beatriz.

A filha do ex-vice-presidente reconheceu que o local é uma “zona vermelha”, como o chamam, mas esclareceu que não está muito próximo das fontes de conflito. Ele garantiu que nunca receberam ataques ou tiveram problemas no estabelecimento.

Ao ser questionada se alguém notou movimentos suspeitos anteriores, Maria Beatriz declarou que ao se reunir com os funcionários da fazenda eles indicaram que não tinham visto nada de estranho nos últimos dias.

Jornal Midiamax