Polícia

Preso arranca tornozeleira eletrônica e ameaça queimar casa da ex

Homem de 24 anos foi preso pela Polícia Militar no sábado (03), em Ponta Porã, a 346 quilômetros de Campo Grande, depois arrancar a tornozeleira eletrônica e ameaçar atear fogo na casa da ex. A vítima, de 40 anos, temendo por sua segurança diante das graves ameaças, foi quem o denunciou. A mulher explicou que […]

Renan Nucci Publicado em 04/10/2020, às 16h22

Foto Ilustrativa
Foto Ilustrativa - Foto Ilustrativa

Homem de 24 anos foi preso pela Polícia Militar no sábado (03), em Ponta Porã, a 346 quilômetros de Campo Grande, depois arrancar a tornozeleira eletrônica e ameaçar atear fogo na casa da ex. A vítima, de 40 anos, temendo por sua segurança diante das graves ameaças, foi quem o denunciou.

A mulher explicou que o ex cumpria pena no Estabelecimento Penal Ricardo Brandão, por violência doméstica, mas saiu do presídio há uma semana mediante uso de tornozeleira. No entanto, logo após ganhar as ruas, arrancou o dispositivo de monitoramento. Desde então, passou a aborrecer a vítima e a ameaçá-la.

Na madrugada do sábado, ele tentou invadir a casa dela, mas como não conseguiu, disse que iria atear fogo no imóvel e matá-la queimada. Diante dos fatos, os policiais fizeram buscas pelas imediações e encontraram o homem na frente de uma obra na antiga Estação Ferroviária, onde acabou preso.

Jornal Midiamax