A Polícia Civil em Iguatemi, a 466 quilômetros de Campo Grande, já iniciou as investigações sobre caso do feto de uma menina encontrado por funcionários de uma reciclagem, na Vila Industrial. O feto foi encontrado dentro de sacos plásticos, nesta quinta-feira (09).

O delegado Felipe Cândido Rossato, confirmou que o bebê foi abortado e tinha 39 semanas. “Ele nasceu morto”, confirmou o delegado.

Agora a polícia trabalha para identificar a mãe, que cometeu o crime. “Já estamos em diligências e temos informações de onde veio o lixo, dos locais que o caminhão passou nesse dia”, afirmou Rossato.

O caso

O feto foi encontrado por funcionários de uma empresa de reciclagem em Iguatemi, que chegaram para trabalhar por volta das 10h35 da manhã desta quinta (9), em meio aos resíduos em um saco plástico. Com o bebê estava fraldas e papel higiênico.

Em outro saco próximo, os funcionários encontraram a placenta. O feto estava totalmente formado e foi encaminhado para o IML (Instituto de Medina Legal).