Polícia

Operação destrói mais de 2 toneladas de plantação de maconha na fronteira

Agentes brasileiros e paraguaios já destruíram mais de 2709 toneladas de maconha nos campos de produção nas localidades de Colônia Chiriguelo e Maria Auxiliadora nas proximidades de Pedro Juan Caballero na fronteira com o Mato Grosso do Sul, durante a Operação Nova Aliança 22. O trabalho é realizado Secretaria Nacional Antidrogas do Paraguai, da Força […]

Diego Alves Publicado em 23/08/2020, às 21h47 - Atualizado às 21h50

Divulgação
Divulgação - Divulgação

Agentes brasileiros e paraguaios já destruíram mais de 2709 toneladas de maconha nos campos de produção nas localidades de Colônia Chiriguelo e Maria Auxiliadora nas proximidades de Pedro Juan Caballero na fronteira com o Mato Grosso do Sul, durante a Operação Nova Aliança 22.

O trabalho é realizado Secretaria Nacional Antidrogas do Paraguai, da Força Tarefa Conjunta e do Ministério Público daquele país com o apoio da Polícia Federal brasileira que cedeu agentes e dois helicópteros, publicou o site MS em Foco.

Foram destruídos 24 acampamentos onde havia mais de 30 toneladas de maconha pronta para ser comercializada e a erradicação de 80 hectares cultivados da droga que poderiam, se colhidos mais de 240 toneladas do entorpecente.

Jornal Midiamax