Polícia

‘Nego safado’: pedreiro cobra pagamento, mas é xingado e perseguido com facão em MS

Um pedreiro de 48 anos foi perseguido com um facão nesta segunda-feira (07) após cobrar uma dívida de R$ 4 mil, em Chapadão do Sul, a 330 quilômetros de Campo Grande. Além disso, o homem foi xingado de “nego safado e preto”. O caso foi registrado como ameaça, tentativa de lesão corporal e injúria. De […]

Dayene Paz Publicado em 08/12/2020, às 07h53 - Atualizado às 10h02

Cunhado foi atingido por golpes no peito e braço (lIlustrativa)
Cunhado foi atingido por golpes no peito e braço (lIlustrativa) - Cunhado foi atingido por golpes no peito e braço (lIlustrativa)

Um pedreiro de 48 anos foi perseguido com um facão nesta segunda-feira (07) após cobrar uma dívida de R$ 4 mil, em Chapadão do Sul, a 330 quilômetros de Campo Grande. Além disso, o homem foi xingado de “nego safado e preto”. O caso foi registrado como ameaça, tentativa de lesão corporal e injúria.

De acordo com as informações do boletim de ocorrência, o pedreiro foi até a casa do homem para quem trabalha esporadicamente, para cobrar uma dívida de R$ 4 mil, referente há cerca de um ano de serviço. Ao chegar, o autor já o recebeu de forma agressiva. “Nego safado, seu preto”, teria dito.

Em seguida, conforme a vítima, o autor pegou um facão e passou a perseguir a vítima, que teve que correr em direção a construções existentes nas imediações e conseguiu fugir. O caso será apurado pela Polícia Civil.

Jornal Midiamax