Polícia

Mulheres usavam filhos de 5 e 11 anos para despistar polícia sobre tráfico

Duas mulheres, de 35 e 37 anos, foram presas pela Polícia Militar Rodoviária Estadual nesta quarta-feira (08), depois de serem flagradas transportando 23,5 quilos de maconha em Ivinhema, a 291 quilômetros de Campo Grande. Elas levavam os filhos, de 5 e 11 anos, como forma de despistar a polícia, passando a falsa aparência de que […]

Renan Nucci Publicado em 08/04/2020, às 14h42

Droga adquirira na fronteira seria entregue em Nova Andradina
Droga adquirira na fronteira seria entregue em Nova Andradina - Droga adquirira na fronteira seria entregue em Nova Andradina

Duas mulheres, de 35 e 37 anos, foram presas pela Polícia Militar Rodoviária Estadual nesta quarta-feira (08), depois de serem flagradas transportando 23,5 quilos de maconha em Ivinhema, a 291 quilômetros de Campo Grande. Elas levavam os filhos, de 5 e 11 anos, como forma de despistar a polícia, passando a falsa aparência de que eram pessoas de bem.

Durante operação de controle do fluxo viário sanitário por conta de decretos contra a Pandemia do coronavírus (Covid-19), os policiais abordaram um veículo Fiat Uno ocupado pelas mulheres e as crianças, que seguia sentido Nova Andradina. A dupla entrou em contradição várias vezes, levantando suspeita dos policiais.

A equipe então decidiu fazer busca minuciosa no veículo, ocasião em que encontraram fundo falso com 24 tabletes de maconha que, após pesados, somaram 23, 5 quilos. Elas disseram que haviam buscado a droga em Ponta Porã, na fronteira com o Paraguai, para entregar em Nova Andradina. Diante dos fatos, elas receberam voz de prisão e as crianças ficaram sob cuidados do conselho tutelar.

Jornal Midiamax