Polícia

Mulher ferida a tiros após amiga ser morta por padrasto está em coma na Santa Casa

A mulher de 33 anos que foi ferida a tiros pelo padrasto de Margareth de Jesus Fernandes, 35 anos, assassinada na madrugada de sábado (15), após discutir com o padrasto Ademir Ferreira Lima, 50 anos, no Loteamento Vespasiano Martins, está em coma na Santa Casa de Campo Grande. De acordo com a assessoria de comunicação […]

Thatiana Melo Publicado em 16/08/2020, às 12h08

Santa Casa de Campo Grande. (Foto: Arquivo)
Santa Casa de Campo Grande. (Foto: Arquivo) - Santa Casa de Campo Grande. (Foto: Arquivo)

A mulher de 33 anos que foi ferida a tiros pelo padrasto de Margareth de Jesus Fernandes, 35 anos, assassinada na madrugada de sábado (15), após discutir com o padrasto Ademir Ferreira Lima, 50 anos, no Loteamento Vespasiano Martins, está em coma na Santa Casa de Campo Grande.

De acordo com a assessoria de comunicação do hospital, a paciente está internada no CTI (Centro de Tratamento Intensivo) em coma e em acompanhamento após a realização de procedimentos cirúrgicos para correção de lesões internas.

O crime aconteceu ainda na madrugada de sábado (15) quando Margareth e o padrasto tiveram uma discussão, sendo que ele atirou contra a vítima, que morreu no local. A amiga dela, de 33 anos, também foi atingida por disparos e socorrida até a Santa Casa de Campo Grande.

Já o autor do crime foi agredido por populares e ficou em estado grave, também sendo levado até a Santa Casa de Campo Grande. Assim, ele foi preso em flagrante e permanece internado sob escolta policial.

Jornal Midiamax