Polícia

Mulher é assassinada a tiros no lugar do marido em cobrança de dívida

Dois homens, que não tiveram as idades divulgadas, foram presos nesta quinta-feira (6) pelo homicídio de Jozy Aparecida da Silva em Naviraí, município distante 359 quilômetros de Campo Grande. O crime aconteceu em 30 de dezembro de 2019, quando a vítima foi assassinada por engano pela dupla, que pretendia matar o marido dela. Segundo as […]

Renata Portela Publicado em 06/02/2020, às 12h02 - Atualizado às 22h51

None

Dois homens, que não tiveram as idades divulgadas, foram presos nesta quinta-feira (6) pelo homicídio de Jozy Aparecida da Silva em Naviraí, município distante 359 quilômetros de Campo Grande. O crime aconteceu em 30 de dezembro de 2019, quando a vítima foi assassinada por engano pela dupla, que pretendia matar o marido dela.

Segundo as informações do SIG (Setor de Investigações Gerais) de Naviraí, naquele dia 30 de dezembro, Jozy estava acompanhada do marido quando os autores chegaram em uma motocicleta Twister preta. O passageiro atirou contra o homem, que conseguiu correr e fugir, mas um dos tiros acabou atingindo Jozy, que morreu no hospital.

Os autores fugiram e foram identificados após as investigações. O SIG apresentou relatório do inquérito e fez o pedido de prisão da dupla, que foi presa mediante mandado. O rapaz que atirou contra a mulher confessou o crime, mas o comparsa que pilotava a moto negou participação, porém foi detido.

O responsável por atirar nas vítimas teria feito uma cobrança por conta de drogas contra o homem, por causa de aproximadamente R$ 90. Ele não teria pago e o autor então teria dito que foi ameaçado de morte e por isso foi ‘acertar as contas’ com a vítima, quando matou a esposa do homem.

A dupla responderá pelo homicídio, por homicídio na forma tentada e porte ilegal de arma de fogo.

Jornal Midiamax