Polícia

Comprada por R$ 1,8 mil, moto com quase R$ 400 mil em multas é apreendida em MS

A GM (Guarda Municipal) apreendeu uma moto com quase R$ 400 mil em multas, na manhã desta sexta-feira (30), em Dourados. A apreensão histórica ocorreu nos altos da Avenida Presidente Vargas, saída para o anel viário da cidade. Conforme nota da GM, os agentes realizavam fiscalizações de rotina, quando abordaram a Honda Titan 125, com […]

Gabriel Maymone Publicado em 30/10/2020, às 11h06 - Atualizado às 11h33

Guarda municipal apreendeu moto com quase R$ 400 mil em multas em Dourados. (Foto: Divulgação/GMD)
Guarda municipal apreendeu moto com quase R$ 400 mil em multas em Dourados. (Foto: Divulgação/GMD) - Guarda municipal apreendeu moto com quase R$ 400 mil em multas em Dourados. (Foto: Divulgação/GMD)

A GM (Guarda Municipal) apreendeu uma moto com quase R$ 400 mil em multas, na manhã desta sexta-feira (30), em Dourados. A apreensão histórica ocorreu nos altos da Avenida Presidente Vargas, saída para o anel viário da cidade.

Conforme nota da GM, os agentes realizavam fiscalizações de rotina, quando abordaram a Honda Titan 125, com placas de Dourados. O piloto, um homem de 44 anos, disse não possuir CNH (Carteira Nacional de Habilitação).

Ao checar a placa do veículo, os agentes constataram que havia R$ 394.391,19 em multas, a maioria em lombadas eletrônicas. Questionado sobre os débitos, o homem disse que comprou o veículo de um desconhecido por R$ 1,8 mil e sabia que tratava-se de um veículo “enroladinho e que seria usado para trabalhar”. Entretanto, ele confessou que não imaginava possuir essa quantidade de multas.

A motocicleta foi apreendida e encaminhada ao pátio do Detran-MS (Departamento de Trânsito de Mato Grosso do Sul).

Histórico

Conforme o Supervisor GM- Barreto, que realizou os procedimentos, “este é o veículo com a maior quantidade de multas e débitos junto ao Detran-MS já aprendido pela GMD”, informou.

Diante da irregularidade, o guarda reforça o alerta. “É oportuno frisar a importância de o cidadão realizar a checagem de um veículo antes de efetuar a sua compra, pois desta forma não irá adquirir um veículo com pendências documentais ou criminais”.

Uma forma de checar a procedência do veículo é pelo aplicativo de smartphone ‘Sinesp Cidadão’, que pode ser baixado gratuitamente. A ferramenta disponibilizada pelo governo federal permite verificar se a placa corresponde ao veículo ou se apresenta registro de roubos ou furtos, por exemplo. O comprador pode ir até uma agência do Detran-MS e verificar a situação do veículo.

Jornal Midiamax