Polícia

Morador agride síndico de condomínio a pauladas após discussão por extintor de incêndio

Morador de um condomínio localizado no Bairro Jardim Manaira agrediu o síndico a pauladas na noite deste sábado (6). O motivo seria um desentendimento pelo filho do autor ter arrancado os lacres dos extintores de incêndio do condomínio. O síndico precisou ser encaminhado à Santa Casa pois teria sido atingido na cabeça. Segundo informações do […]

Danielle Errobidarte Publicado em 06/12/2020, às 06h13 - Atualizado às 10h16

Vítima passa por exames na Santa Casa para verificar lesão na cabeça (Ilustrativa)
Vítima passa por exames na Santa Casa para verificar lesão na cabeça (Ilustrativa) - Vítima passa por exames na Santa Casa para verificar lesão na cabeça (Ilustrativa)

Morador de um condomínio localizado no Bairro Jardim Manaira agrediu o síndico a pauladas na noite deste sábado (6). O motivo seria um desentendimento pelo filho do autor ter arrancado os lacres dos extintores de incêndio do condomínio. O síndico precisou ser encaminhado à Santa Casa pois teria sido atingido na cabeça.

Segundo informações do boletim de ocorrência, a Polícia Militar foi acionada para atender ao chamado de agressão física. Na Santa Casa, foram informados, pela equipe médica, de que a vítima precisaria passar por exames de tomografia computadorizada para verificar possível lesão na cabeça.

Conforme explicou aos policiais, o síndico teria sido agredido porque foi informar ao autor sobre a violação dos lacres. O homem ainda teria pedido para o síndico adicioná-lo ao grupo de mensagens dos moradores, o que não teria sido atendido.

A vítima permanece na Santa Casa e o caso foi registrado como lesão corporal dolosa na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Cepol.

Jornal Midiamax