Polícia

Mesmo com aumento de mortes pelo coronavírus, guarda flagra 450 pessoas nas ruas

Mesmo com registro de mais de 1 mil mortes em Mato Grosso do Sul pelo coronavírus, muitas pessoas ainda desrespeitam o toque de recolher, em Campo Grande. Durante a noite de sexta-feira (11) e madrugada de sábado (12) cerca de 450 pessoas foram flagradas nas ruas da cidade, sendo orientadas a voltarem para suas casas. […]

Thatiana Melo Publicado em 12/09/2020, às 09h25 - Atualizado às 16h58

(Foto: Ilustrativa/ Guarda Municipal)
(Foto: Ilustrativa/ Guarda Municipal) - (Foto: Ilustrativa/ Guarda Municipal)

Mesmo com registro de mais de 1 mil mortes em Mato Grosso do Sul pelo coronavírus, muitas pessoas ainda desrespeitam o toque de recolher, em Campo Grande. Durante a noite de sexta-feira (11) e madrugada de sábado (12) cerca de 450 pessoas foram flagradas nas ruas da cidade, sendo orientadas a voltarem para suas casas.

Ainda durante as fiscalizações dos agentes municipais encerraram com quatro festas que aconteciam em espaços particulares. 116 estabelecimentos comercias que estavam abertos também foram vistoriados pelos agentes.

Uma pessoa acabou levada para a delegacia por tráfico de drogas. Foram 249 ligações de denúncias para o telefone da guarda 153.

Coronavírus

Mato Grosso do Sul já soma 56.304 casos confirmados de Covid-19, com 2.258 registros nesta sexta-feira (11), conforme o boletim epidemiológico do novo coronavírus, apresentado diariamente pela SES (Secretaria de Estado de Saúde).

As cidades com mais casos em MS são: Campo Grande (25.789 casos, com 437 óbitos), Dourados (6.283 casos, com 85 óbitos), Corumbá (203 casos, 109 óbitos), Sidrolândia (1.907 casos, 23 óbitos) e Aquidauana (1.728 casos, 48 óbitos).

Jornal Midiamax