Polícia

Instalador de câmeras morre seis dias após receber descarga elétrica durante serviço

Na manhã desta quinta-feira (5), Diego Bueno Pires, de 37 anos, morreu na Santa Casa de Campo Grande. Ele estava internado desde o dia 30 de outubro, quando sofreu um acidente enquanto instalava câmeras de segurança em uma clínica na Chácara Cachoeira. Segundo o relato da esposa de Diego, ele trabalhava como instalador de câmeras […]

Renata Portela Publicado em 05/11/2020, às 12h11

Jovem estava internado na Santa Casa de Campo Grande. (Foto: Arquivo/Midiamax).
Jovem estava internado na Santa Casa de Campo Grande. (Foto: Arquivo/Midiamax). - Jovem estava internado na Santa Casa de Campo Grande. (Foto: Arquivo/Midiamax).

Na manhã desta quinta-feira (5), Diego Bueno Pires, de 37 anos, morreu na Santa Casa de Campo Grande. Ele estava internado desde o dia 30 de outubro, quando sofreu um acidente enquanto instalava câmeras de segurança em uma clínica na Chácara Cachoeira.

Segundo o relato da esposa de Diego, ele trabalhava como instalador de câmeras e, no dia 30, fazia o serviço na frente da clínica. No entanto, a escada que ele usava encostou a rede de energia e ele recebeu uma descarga elétrica.

Assim, Diego foi socorrido e levado para a Santa Casa em estado grave. Conforme o hospital, rins e pulmões foram afetados e ele foi reanimado várias vezes. Mesmo após ficar 6 dias internado, ele não resistiu e faleceu nesta manhã.

A Polícia Civil registrou o caso como morte a esclarecer na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Centro.

Jornal Midiamax