Polícia

Idosa é gravemente ferida a tesouradas e decepa dedos do marido ao se defender em briga

Na noite do último sábado (12), idosa de 62 anos e o marido, de 51 anos, ficaram gravemente feridos após brigarem em casa, em Nova Alvorada do Sul, a 120 quilômetros de Campo Grande. Ele deu golpes com uma tesoura na mulher, que se defendeu usando um facão e acabou decepando dois dedos do marido. […]

Renata Portela Publicado em 14/12/2020, às 09h34 - Atualizado às 09h36

Imagem ilustrativa
Imagem ilustrativa - Imagem ilustrativa

Na noite do último sábado (12), idosa de 62 anos e o marido, de 51 anos, ficaram gravemente feridos após brigarem em casa, em Nova Alvorada do Sul, a 120 quilômetros de Campo Grande. Ele deu golpes com uma tesoura na mulher, que se defendeu usando um facão e acabou decepando dois dedos do marido.

Segundo o registro policial, o casal brigou na casa e ficou gravemente ferido. Corpo de Bombeiros e Polícia Militar foram acionados e, segundo os oficiais, a casa estava com bastante sangue derramado por todos os cômodos, sendo que a moradora estaria escondida na casa de um vizinho após a briga.

Ela contou aos policiais que bebeu durante a tarde com o marido e amigos e quando chegaram em casa, por volta das 20 horas, brigaram. O homem então deu um soco na mulher, que caiu no chão, quando ele pisou no pescoço da vítima e a ameaçou de morte. Durante as agressões ele se desequilibrou e caiu no chão.

Foi neste momento que a idosa se levantou e pediu para ele parar com as agressões, mas o homem se armou com a tesoura e deu vários golpes no rosto e cabeça da vítima. Ela ainda se defendeu com as mãos e sofreu um corte grave no punho. Com sangue derramado no chão, o autor acabou escorregando e caindo.

A vítima então conseguiu correr até a cozinha e se armou com o facão, para se defender. Quando o marido tentou agredira mulher novamente, ela deu golpes que atingiram a cabeça, pernas e mão do agressor, que perdeu dois dedos. Ele foi encaminhado em estado grave para a Santa Casa de Campo Grande sob escolta policial, preso em flagrante.

A idosa também teve ferimentos graves e foi levada ao hospital de Rio Brilhante. O caso é tratado como feminicídio na forma tentada.

Jornal Midiamax