Polícia

Homem é roubado ao parar em semáforo e obrigado a dirigir para assaltantes

Homem de 33 anos passou por momentos de tensão na noite deste sábado (23), em Campo Grande, ao ser roubado por ao menos três criminosos após parar em um semáforo na Avenida Marechal Deodoro, na região do Guanandi. A vítima foi obrigada a dirigir para os assaltantes até ser liberada. Apesar do susto, o automóvel […]

Renan Nucci Publicado em 23/08/2020, às 07h01 - Atualizado às 07h33

Caso foi registrado na Depac Cepol.
Caso foi registrado na Depac Cepol. - Caso foi registrado na Depac Cepol.

Homem de 33 anos passou por momentos de tensão na noite deste sábado (23), em Campo Grande, ao ser roubado por ao menos três criminosos após parar em um semáforo na Avenida Marechal Deodoro, na região do Guanandi. A vítima foi obrigada a dirigir para os assaltantes até ser liberada. Apesar do susto, o automóvel foi recuperado pela polícia.

Conforme boletim de ocorrência, a vítima relatou que foi deixar a ex-mulher na casa de uma amiga no bairro São Conrado e, enquanto voltava para a residência, parou no semáforo, quando foi abordada por um suspeito armado. O ladrão colocou a arma contra a cabeça da vítima e anunciou o roubo. Em seguida, três criminosos entraram e ficaram no carro.

Um deles, que estava no banco traseiro, segurou a vítima por trás e tentou enforcá-la. Ele ordenaram que o homem dirigisse enquanto o ameaçavam. Ele não soube precisar por quanto tempo ficou na direção, mas disse que depois de alguns minutos, foi deixado na Avenida Manoel da Costa Lima, perto do quartel do Corpo de Bombeiros, onde pediu socorro.

O grupo teria fugido com o carro modelo Gol levando objetos pessoais como cartões, dinheiro, celular e documentos. Enquanto seguia para a delegacia de Polícia Civil para registrar boletim de ocorrência, a vítima avistou veículo idêntico ao seu na região do Pró-Morar. A Polícia Militar foi acionada via 190 e o automóvel foi recuperado. No entanto, ninguém foi preso.

Jornal Midiamax