Polícia

Ao desconfiar de traição, homem agride esposa e liga para sogra ouvir pedido de socorro

Um homem de 25 anos é procurado pela polícia em Cassilândia, a 407 quilômetros de Campo Grande, após agredir a companheira após desconfiar de uma traição. O suspeito ainda teria ligado para que a sogra ouvisse a filha durante as agressões nesta quarta-feira (11). O caso foi registrado e está sendo apurado pela Polícia Civil. […]

Dayene Paz Publicado em 12/11/2020, às 07h29 - Atualizado às 09h31

Foto: Ilustrativa
Foto: Ilustrativa - Foto: Ilustrativa

Um homem de 25 anos é procurado pela polícia em Cassilândia, a 407 quilômetros de Campo Grande, após agredir a companheira após desconfiar de uma traição. O suspeito ainda teria ligado para que a sogra ouvisse a filha durante as agressões nesta quarta-feira (11). O caso foi registrado e está sendo apurado pela Polícia Civil.

De acordo com o boletim de ocorrência, a vítima contou aos policiais que foi ao salão de beleza e ao retornar para sua residência, seu companheiro começou com as agressões. O suspeito segurou a mulher pelo pescoço, a enforcando, dizendo que ela estaria com outro homem.

Em seguida, de acordo com o relato, durante as agressões, o homem chegou a ligar para que a sogra ouvisse a filha. Após, o autor pegou o aparelho celular da vítima e o filho de oito meses, saindo em direção a casa de um primo.

A Polícia Militar foi acionada e realizou diligências até a casa do primo do autor, local onde encontrou a criança na guarda dos primos. O suspeito conseguiu fugir antes da chegada da PM. Assim, a criança foi entregue a guarda da mãe e o celular também foi devolvido.

Na delegacia, a vítima compareceu com a mãe, onde as duas pediram medidas protetivas de urgência, já que foram ameaçadas pelo suspeito. O caso foi registrado e será apurado pela Polícia Civil.

Jornal Midiamax