Guarda deu apoio à PM que monitorava tráfico no Centro e confusão terminou com viaturas apedrejadas

Dois homens foram presos após confusão na Praça Aquidauana na tarde deste sábado (18) depois de retaliação de uma ação conjunta entre a Polícia Militar e a Guarda Civil Metropolitana. Segundo boletim de ocorrência, durante a confusão, uma multidão de cerca de 20 pessoas atiraram pedras e quebraram o vidro das viaturas. A Guarda Civil […]
| 19/04/2020
- 01:13
Guarda deu apoio à PM que monitorava tráfico no Centro e confusão terminou com viaturas apedrejadas
Foto: Reprodução/ PM. - Foto: Reprodução/ PM.

Dois homens foram presos após confusão na Praça na tarde deste sábado (18) depois de retaliação de uma ação conjunta entre a e a Guarda Civil Metropolitana. Segundo boletim de ocorrência, durante a confusão, uma multidão de cerca de 20 pessoas atiraram pedras e quebraram o vidro das viaturas.

A Guarda Civil realizava patrulhamento ao 12h pela Rua Barão do Rio Branco quando foi solicitada pela PM para prestar apoio em abordagem nas imediações por tráfico de drogas. Chegado no local, a PM abordou o indivíduo, que resistiu e se debateu negando portar qualquer entorpecente.

Com isso, segundo boletim de ocorrência, uma aglomeração de 20 pessoas começou a gritar eu iriam “quebrar tudo”, caso o suspeito não fosse liberado, clamando pela inocência do rapaz. A Polícia adentrou  o endereço para continuar a bordagem e a GM ficou do lado de fora, onde as pessoas começaram a arremessar pedras em direção à guarnição.

Uma das pedras chegou a quebrar o vidro de uma das viaturas. A Guarda efetuou disparos de elastômero para conter a aglomeração de pessoas. Uma mulher, moradora em situação de rua e grávida, foi atingida por um dos disparos. Ela foi levada para atendimento médico na Santa Casa onde foi constatado ferimento superficial. Três pessoas foram presas em flagrante.

 

Veja também

Uma comerciante sofreu escoriações leves em um grave acidente entre uma caminhonete S-10 e uma...

Últimas notícias