Polícia

Fazendeiro é multado em R$ 59,7 mil por incêndio em propriedade rural

A PMA (Polícia Militar Ambiental) autuou um proprietário rual em R$ 59,7 mil por provocar incêndio em sua propriedade e destruir 59 hectares de vegetação inclusive em propriedade e trator e alheios. Policiais militares ambientais de Aparecida do Taboado receberam comunicado do Corpo de Bombeiros, sobre um incêndio em uma propriedade rural, localizada a 20 […]

Diego Alves Publicado em 21/08/2020, às 21h27

Incêndio em propriedade (PMA)
Incêndio em propriedade (PMA) - Incêndio em propriedade (PMA)

A PMA (Polícia Militar Ambiental) autuou um proprietário rual em R$ 59,7 mil por provocar incêndio em sua propriedade e destruir 59 hectares de vegetação inclusive em propriedade e trator e alheios. Policiais militares ambientais de Aparecida do Taboado receberam comunicado do Corpo de Bombeiros, sobre um incêndio em uma propriedade rural, localizada a 20 km da cidade, atingindo cinco propriedades. Os Policiais foram ao local nesta quinta-feira (20) e apuraram, que um dos proprietários colocou fogo na sua propriedade e perdera o controle.

O fogo espalhou-se e atingiu mais quatro propriedades, inclusive, destruindo um trator em uma delas. Além disso, causou transtornos respiratórios aos moradores vizinhos, destruiu cercas, pastagem e árvores de grande porte. A equipe mediu a área afetada com uso de GPS, que perfez 59,73 hectares destruídos. O infrator de 39 anos, residente em Aparecida do Taboado, foi autuado administrativamente e foi multado em R$ 59.730,00.

Jornal Midiamax