Polícia

Desentendimento durante instalação de piscina termina com 2 pedreiros presos

Desentendimento durante a instalação de uma piscina na manhã desta sexta-feira (3), terminou com dois pedreiros presos. O caso aconteceu no bairro São Jorge, em Três Lagoas, a 338 quilômetros de Campo Grande. Dois representantes comerciais foram agredidos pelos trabalhadores. De acordo com as informações da polícia, os pedreiros estavam em uma residência para fazer […]

Dayene Paz Publicado em 03/01/2020, às 15h03

Foram levados para a Depac. Foto: Alfredo Neto, JP News
Foram levados para a Depac. Foto: Alfredo Neto, JP News - Foram levados para a Depac. Foto: Alfredo Neto, JP News

Desentendimento durante a instalação de uma piscina na manhã desta sexta-feira (3), terminou com dois pedreiros presos. O caso aconteceu no bairro São Jorge, em Três Lagoas, a 338 quilômetros de Campo Grande. Dois representantes comerciais foram agredidos pelos trabalhadores.

De acordo com as informações da polícia, os pedreiros estavam em uma residência para fazer a instalação de uma piscina, quando teriam começado uma discussão com um casal – representante comercial da loja de piscinas.

Após uma breve discussão, todos entraram em vias de fato, quando os pedreiros teriam pegado uma pá e um pedaço de cerâmica para agredir o casal. Os representantes correram e pediram ajuda em uma conveniência, quando então a Polícia Militar foi acionada.

Conforme o site JP News, os pedreiros resistiram a prisão e os policiais precisaram usar a força para prendê-los. Todos os envolvidos foram levados para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) de Três Lagoas.

Jornal Midiamax