Polícia

Arrumou treta com PCC e sofreu atentado durante a madrugada em Campo Grande

Um desafeto da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital) foi ferido a tiros durante a madrugada desta quinta-feira (30), em Campo Grande, na Vila Nova Campo Grande. Dois disparos foram feitos contra o homem de 33 anos, que conseguiu ainda fugir para pedir ajuda. O atentado aconteceu por volta das 3 horas da madrugada […]

Thatiana Melo Publicado em 30/04/2020, às 06h27 - Atualizado às 12h20

Foi levado para a Santa Casa (Ilustrativa)
Foi levado para a Santa Casa (Ilustrativa) - Foi levado para a Santa Casa (Ilustrativa)

Um desafeto da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital) foi ferido a tiros durante a madrugada desta quinta-feira (30), em Campo Grande, na Vila Nova Campo Grande. Dois disparos foram feitos contra o homem de 33 anos, que conseguiu ainda fugir para pedir ajuda.

O atentado aconteceu por volta das 3 horas da madrugada desta quinta (30), quando testemunhas contaram terem ouvido dois disparos e depois o homem correndo e pedindo por ajuda. Quando a polícia chegou encontrou o homem ensanguentado dizendo ser desafeto do PCC, e que teria sido ferido a tiros.

Ele tinha uma perfuração na perna que resultou na fratura do fêmur. A vítima foi levada para a Santa Casa de Campo Grande e não corre risco de morte. Os possíveis autores para o atentado não foram encontrados.

Jornal Midiamax