Polícia

De novo: lanchonetes são flagradas abertas durante toque de recolher

Desde a implementação do toque de recolher em Campo Grande, no dia de março deste ano, determinada pela Prefeitura, comerciantes ainda desrespeitam o decreto e abrem suas portas para funcionamento com atendimento de clientes no local. Nesta noite de domingo (12) e madrugada de segunda-feira (13), agentes da guarda municipal flagraram 14 estabelecimentos comerciais abertos. […]

Thatiana Melo Publicado em 13/04/2020, às 08h04 - Atualizado às 12h53

(Divulgação Guarda Municipal)
(Divulgação Guarda Municipal) - (Divulgação Guarda Municipal)

Desde a implementação do toque de recolher em Campo Grande, no dia de março deste ano, determinada pela Prefeitura, comerciantes ainda desrespeitam o decreto e abrem suas portas para funcionamento com atendimento de clientes no local. Nesta noite de domingo (12) e madrugada de segunda-feira (13), agentes da guarda municipal flagraram 14 estabelecimentos comerciais abertos.

Os proprietários foram orientados e fecharem suas portas e ninguém ofereceu resistência. O toque de recolher também determina que a população deve ficar em casa à noite, mas 118 pessoas foram encontradas nas ruas e orientadas a voltarem para suas casas.

Ainda durante rondas feitas nas sete regiões da cidade, policiais do trânsito abordaram 12 veículos, sendo quatro notificações lavradas e duas motocicletas removidas. Uma pessoa foi flagrada dirigindo sem CNH (Carteira Nacional de Habilitação).

O município ordena que o toque de recolher continue até o dia 19 de abril ‘para confinamento domiciliar obrigatório em todo território’, das 22 horas às 5 horas do dia seguinte. Ainda de acordo com o documento, funcionários públicos com mais de 60 anos continuarão trabalhando de casa e seguindo orientações do titular de cada pasta.

Jornal Midiamax