Polícia

Traficante que vendia pelo WhatsApp é presa com cocaína na calcinha em Campo Grande

Foi presa na noite desta segunda-feira (2), em Campo Grande, na rua Calógeras depois de ser denunciada por comercializar cocaína na região, em grupos de WhatsApp. Pedras de cocaína foram encontradas na calcinha da autora. O flagrante aconteceu por volta das 18 horas desta segunda (2), quando policiais foram acionados depois da denúncia de que […]

Thatiana Melo Publicado em 03/11/2020, às 06h03 - Atualizado às 13h44

(Ilustrativa)
(Ilustrativa) - (Ilustrativa)

Foi presa na noite desta segunda-feira (2), em Campo Grande, na rua Calógeras depois de ser denunciada por comercializar cocaína na região, em grupos de WhatsApp. Pedras de cocaína foram encontradas na calcinha da autora.

O flagrante aconteceu por volta das 18 horas desta segunda (2), quando policiais foram acionados depois da denúncia de que a traficante estava na região da Orla Ferroviária comercializando cocaína. Quando os policiais chegaram ao local localizaram a mulher que estava rodeada de usuários.

Ao verem os policiais, o grupo fugiu, mas a traficante foi abordada. Ela confessou que fazia o tráfico na região junto do namorado e retirou de dentro da calcinha duas pedras de cocaína. Ela ainda disse que já havia vendido uma pelo valor de R$ 100. A autora foi levada para a delegacia.

Jornal Midiamax