Polícia

Brasileiro que fugiu de presídio no Paraguai é recapturado um dia após fuga em massa

Na manhã desta segunda-feira (20), policiais do DOF (Departamento de Operações de Fronteira) recapturaram o primeiro brasileiro que fugiu do Presídio de Pedro Juan Caballero, na madrugada de domingo (19). Na fuga em massa, 75 homens que seriam faccionados conseguiram fugir. Conforme as informações preliminares, os policiais do DOF que trabalham com reforço policial na […]

Renata Portela Publicado em 20/01/2020, às 09h17 - Atualizado às 18h16

Imagem ilustrativa
Imagem ilustrativa - Imagem ilustrativa

Na manhã desta segunda-feira (20), policiais do DOF (Departamento de Operações de Fronteira) recapturaram o primeiro brasileiro que fugiu do Presídio de Pedro Juan Caballero, na madrugada de domingo (19). Na fuga em massa, 75 homens que seriam faccionados conseguiram fugir.

Conforme as informações preliminares, os policiais do DOF que trabalham com reforço policial na região de fronteira, principalmente nas áreas de estradas vicinais, conseguiram abordar o homem de 30 anos. Em atitude suspeita, ele confirmou que é um dos presos que fugiu no Paraguai.

O homem revelou que é de Imperatriz, no Maranhão, e que cumpria pena por tráfico de drogas naquela unidade prisional há 4 anos. Ele foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Ponta Porã e ainda não há detalhes sobre como ocorreu a prisão.

Fuga em massa

Na madrugada de domingo foi revelado que os 75 homens fugiram do presídio paraguaio, a princípio por um túnel de aproximadamente 70 metros escavado. Aproximadamente 200 sacos com areia foram encontrados em uma das celas e, horas após a fuga, declarações oficiais evidenciaram um esquema grave de corrupção naquele presídio.

Além disso, a suspeita é de que agentes teriam recebido alto valor para favorecerem a fuga. Todos os agentes foram presos, além da direção do presídio, para esclarecimento dos fatos. Há suspeita que os detentos tenham feito o túnel apenas para disfarçar, já que podem ter fugido pela porta da frente, com ajuda dos funcionários do presídio.

Equipes policiais de Mato Grosso do Sul reforçaram as ações na região de fronteira, abordando todos os veículos que passam pela região, além de intensificarem os trabalhos nas rodoviárias. Até o momento só há informação deste primeiro recapturado.

Jornal Midiamax