Polícia

Autor de violência doméstica acusa PM de ter caso com a ex e é preso novamente

Na tarde de quarta-feira (17), homem de 37 anos foi preso pela segunda vez em poucos dias, por descumprir medida protetiva contra a ex e ainda injuriar um policial militar. Ele havia sido preso na última semana por violência doméstica e depois mandou áudios para a ex mulher, a acusando de ter um caso com […]

Renata Portela Publicado em 18/06/2020, às 06h36 - Atualizado às 11h46

Imagem ilustrativa
Imagem ilustrativa - Imagem ilustrativa

Na tarde de quarta-feira (17), homem de 37 anos foi preso pela segunda vez em poucos dias, por descumprir medida protetiva contra a ex e ainda injuriar um policial militar. Ele havia sido preso na última semana por violência doméstica e depois mandou áudios para a ex mulher, a acusando de ter um caso com o policial militar que o deteve.

Conforme o registro da ocorrência, o suspeito foi preso em flagrante por violência doméstica por uma equipe da 6ª CIPM (Companhia Independente da Polícia Militar). Depois disso acabou liberado, mas com medida protetiva, sem poder se aproximar ou entrar em contato com a ex-mulher.

Já na tarde de terça-feira, entrou em contato com a Polícia Militar, porque queria buscar documentos na casa da ex, mas não podia ir ao local. A mesma equipe estava de plantão e foi até a casa da mulher, quando ela contou que o suspeito estava quebrando a medida protetiva. Além disso, mostrou áudios no celular da filha, em que o homem acusa o cabo PM que o prendeu de ter um caso com a ex dele.

O homem também mandou áudios para a ex, dizendo que cortaria luz e água da casa. Com isso, os militares foram até a casa do homem e o prenderam novamente em flagrante, por descumprir a medida protetiva, além de injuriar e difamar o policial militar.

Jornal Midiamax