Polícia

Após ser ferido com 18 tiros na companhia de adolescente, rapaz morre em hospital

Morreu na noite desta segunda-feira (10), no hospital da cidade de Dourados a 225 quilômetros de Campo Grande, Anderson da Silva de 21 anos. Ele estava na companhia de um adolescente de 15 anos, Freddy Gonzalez que foi executado a tiros na noite de domingo (9) em Capitan Bado, cidade paraguaia vizinha a Coronel Sapucaia, […]

Thatiana Melo Publicado em 11/08/2020, às 06h23 - Atualizado às 10h26

Polícia procura pelos pistoleiros (Foto: MS em Foco)
Polícia procura pelos pistoleiros (Foto: MS em Foco) - Polícia procura pelos pistoleiros (Foto: MS em Foco)

Morreu na noite desta segunda-feira (10), no hospital da cidade de Dourados a 225 quilômetros de Campo Grande, Anderson da Silva de 21 anos. Ele estava na companhia de um adolescente de 15 anos, Freddy Gonzalez que foi executado a tiros na noite de domingo (9) em Capitan Bado, cidade paraguaia vizinha a Coronel Sapucaia, cidade a 395 quilômetros de Campo Grande

Anderson foi atingido por 18 tiros, sendo um na cabeça e o restante no corpo. Ele chegou a ser socorrido e transferido para o hospital de Dourados devido ao seu estado de saúde ser considerado grave. Mas, não resistiu e morreu por volta das 19h57 desta segunda (10).

O crime aconteceu na Rua República da Argentina cruzamento com a Rua Presidente Franco no Bairro São Miguel em Capitán Bado, cidade paraguaia ao lado de Coronel Sapucaia, publicou o site MS em Foco. O rapaz de 21 anos foi atingido por pelo menos um tiro na cabeça e o estado de saúde dele é gravíssimo.

Os dois estavam em um automóvel Kia Soul quando foram atacados. O pistoleiro fugiu logo depois do crime e a Polícia Nacional do Paraguai investiga o fato

Jornal Midiamax