Depois de dois morrerem em confronto com a Polícia Militar na cidade de Três Lagoas, a 338 quilômetros de Campo Grande, um terceiro suspeito teve destino semelhante nesta quarta-feira (22), na mesma cidade. Homem identificado apenas como Adailton Farias trocou tiros com equipe da Força Tática após cometer três roubos, e também morreu. 

De acordo com o site Perfil News, ele roubou uma moto e em seguida assaltou dois mercados. A PM foi acionada e conseguiu localizá-lo no Jardim Carança. Lá, ele disparou contra a equipe que reagiu e o baleou. Ele chegou a ser socorrido, mas não resistiu e morreu no Hospital Nossa Senhora Auxiliadora.

Na manhã de terça-feira, Antonio Cezar Gomes de Jesus, de 22 anos, e Marcos Rodrigues Figueiredo Silva, de 31 anos, morreram em com a PM. Equipes da Força Tática da PM e da ALI (Agência Local de Inteligência) foram até a região do presídio após denúncia de que duas pessoas tentavam arremessar objetos para dentro da unidade. 

No local, aos fundos da penitenciária, encontraram os suspeitos. Cada um estava com uma mochila azul nas costas e segundos os policiais, jogariam armas, drogas e celulares no presídio. Eles estavam cada um com uma arma em mãos e foram abordados, mas tentaram fugir e apontaram a arma para os policiais. Em seguida eles dispararam e os militares revidaram os tiros.

Samu (Serviço de Atendimento Médico de Urgência) esteve no local e constatou o óbito dos dois homens, sendo um reconhecido ainda no local pelos militares, já que tinha várias passagens. Nas mochilas foram encontradas garrafas com 14 porções de dentro, 4 tabletes de maconha, celulares embalados em plástico bolha e fone de ouvido.

Com a dupla ainda foram apreendidas as duas armas de fogo, um revólver calibre 32 e uma pistola calibre 765, municiados. Uma motocicleta abandonada que teria sido utilizada pela dupla, uma Twister amarela, foi apreendida nas proximidades.