Polícia

Apontado como um dos principais terroristas do Paraguai é morto a tiro na fronteira com MS

Considerado um dos principais terroristas do Paraguai e líder da ACA (Agrupação Campesina Armada), Antonio Bernal Maíz, conhecido por Tyvyta, foi morto a tiros durante confronto com a FTC (Força-Tarefa Conjunta) na zona de Loreto, no Departamento de Concepción, no Paraguai. Antonio – que tinha diversas passagens pela polícia e 13 mandados de prisão por […]

Dayene Paz Publicado em 12/06/2020, às 12h44 - Atualizado às 20h01

Homem é apontado como um dos principais terroristas do Paraguai. Imagem: Última Hora
Homem é apontado como um dos principais terroristas do Paraguai. Imagem: Última Hora - Homem é apontado como um dos principais terroristas do Paraguai. Imagem: Última Hora

Considerado um dos principais terroristas do Paraguai e líder da ACA (Agrupação Campesina Armada), Antonio Bernal Maíz, conhecido por Tyvyta, foi morto a tiros durante confronto com a FTC (Força-Tarefa Conjunta) na zona de Loreto, no Departamento de Concepción, no Paraguai.

Antonio – que tinha diversas passagens pela polícia e 13 mandados de prisão por crimes como tráfico de drogas, terrorismo, associação criminosa e assassinatos -, teria reagido a uma abordagem dos militares, quando acabou alvejado na noite desta quinta-feira (11).

De acordo com o sites locais, os comparsas conseguiram fugir. A polícia apreendeu munições, até uma granada no local e suspeita que na região haja acampamento dos comparsas.

Ainda, de acordo com a polícia, em janeiro de 2015, Antonio Bernal foi apontado por testemunhas como um dos sequestradores de Robert Natto e Erika Reiser de Natto, que foram assassinados.

Jornal Midiamax