Um adolescente de 15 anos foi encaminhado para a 1ª Delegacia de Polícia Civil de , a 225 quilômetros de Campo Grande, por suspeita de envolvimento em um atentado que deixou três pessoas feridas a tiros na cidade. O menor foi detido nesta segunda-feira (13) e na casa dele, no Jardim Maracanã, uma pistola foi apreendida.

A apreensão foi realizada por policiais do SIG (Setor de Investigações Gerais) da Polícia Civil, conforme divulgado pelo Dourados News. Na casa do suspeito, uma pistola calibre 765 também foi localizada. A arma pode ter sido usada da tripla tentativa de homicídio.

O atentado a tiros aconteceu na noite deste domingo (12) na rua DA-6, bairro Dioclécio Artuzi, região Sul da cidade. Três jovens identificados como William, Cleiton e um adolescente de 17 anos, acabaram baleados e com ferimentos leves. A polícia agora apura se o jovem detido nesta tarde teve participação direta ou indireta na tripla tentativa de homicídio.

Confronto e morte

Ainda na noite de domingo, logo após o atentado, policiais militares receberam informação de que os suspeitos estariam em uma casa localizada no bairro Ipê Roxo. Ao chegarem no local, Claylson Silva Edwillians tentou fugir a ameaçou a equipe com um revólver calibre 32. A PM revidou e o rapaz foi atingido pelos tiros, na região do tórax. Ele chegou a ser socorrido pelo , mas não resistiu e morreu ao dar entrada ao Hospital da Vida.

Outras três pessoas com possível envolvimento no atentado chegaram a ser levadas para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) e posteriormente liberadas após depoimento.