Polícia

Som alto acaba com policiais agredidos com chutes, cadeiradas e ameaçados de morte

O som alto em uma casa na cidade de Jardim, a 239 quilômetros de Campo Grande, acabou em agressão a policiais militares que atendiam a reclamação da uma moradora, na noite deste sábado (12). Informações do boletim de ocorrência são de que as reclamações de vizinhos começaram a chegar para a polícia por volta das […]

Thatiana Melo Publicado em 13/10/2019, às 13h46

None

O som alto em uma casa na cidade de Jardim, a 239 quilômetros de Campo Grande, acabou em agressão a policiais militares que atendiam a reclamação da uma moradora, na noite deste sábado (12).

Informações do boletim de ocorrência são de que as reclamações de vizinhos começaram a chegar para a polícia por volta das 18h30 deste sábado (12). Quando os militares foram até a residência e pediram para o dono se apresentasse e abaixasse o som, o homem passou a xingar os policiais “Você vai se ferrar, eu vou matar você”.

Foi feito pedido de reforço e os policiais entraram na casa, já que o proprietário teria se negado a sair, momento em que o autor foi em direção aos militares para agredi-los, sendo necessário quatro policiais para contê-lo e colocá-lo na viatura. Já no compartimento de presos, o homem deu um chute no rosto de um dos policiais, que teve a boca cortada e o nariz sangrando.

Quando o dono da casa era colocado no compartimento dos presos outro homem foi tentar ajudá-lo e passando a ameaçar os policiais de morte dizendo que sabia onde moravam e que iria matá-los, inclusive, seus filhos. Uma mulher que estava na residência jogou cadeiras contra os militares e pedras, que acertaram um dos policiais. Todos foram levados para a delegacia.

Jornal Midiamax