Sequestrado por pistoleiros em avenida teria ligação com prostituição e tráfico

Roney Fernandes Romeiro de 35 anos sequestrado neste domingo (18), em uma avenida em Ponta Porã, a 346 quilômetros de Campo Grande teria ligações com prostituição e tráfico de drogas na fronteira. Ele foi levado por pistoleiros em uma camionete S-10 sem placas. Informações obtidas pelo Jornal Midiamax são de que Roney seria cafetão e […]
| 19/08/2019
- 12:45
Sequestrado por pistoleiros em avenida teria ligação com prostituição e tráfico

Roney Fernandes Romeiro de 35 anos sequestrado neste domingo (18), em uma avenida em Ponta Porã, a 346 quilômetros de Campo Grande teria ligações com e tráfico de drogas na fronteira. Ele foi levado por pistoleiros em uma camionete S-10 sem placas.

Informações obtidas pelo Jornal Midiamax são de que Roney seria cafetão e o poderia estar ligado a uma cobrança de dívidas a garotas de programa, que trabalhavam para ele, sendo os possíveis mandantes clientes das garotas.

Também existe a possibilidade de que Roney foi sequestrado por envolvimento com o tráfico de drogas. Ele ainda não foi encontrado e nem pedido de resgate teria sido feito a família da vítima.

Câmeras de segurança de um hotel registraram o momento em que Roney, que estava em um Gol, de cor branca é seguido e ‘fechado’ por uma camionete onde estavam os pistoleiros armados com fuzis, que o retiraram do carro. Os pais da vítima que estavam no Gol foram deixados pelos pistoleiros.

Veja também

Passageiro alega que pediu ao motorista que parasse o carro para ele urinar

Últimas notícias