Polícia

Primos são detidos após perseguição em bairro de Campo Grande

No início da noite de sexta-feira (11), dois rapazes de 19 e 20 anos foram encaminhados para a delegacia após suspeita de terem feito disparos de arma de fogo na praça do Jardim Noroeste. Um terceiro jovem, de 18 anos, que estaria com a arma de fogo conseguiu fugir após perseguição policial. De acordo com […]

Renata Portela Publicado em 12/10/2019, às 06h27 - Atualizado às 11h39

Caso foi registrado na Depac Centro (Arquivo, Midiamax)
Caso foi registrado na Depac Centro (Arquivo, Midiamax) - Caso foi registrado na Depac Centro (Arquivo, Midiamax)

No início da noite de sexta-feira (11), dois rapazes de 19 e 20 anos foram encaminhados para a delegacia após suspeita de terem feito disparos de arma de fogo na praça do Jardim Noroeste. Um terceiro jovem, de 18 anos, que estaria com a arma de fogo conseguiu fugir após perseguição policial.

De acordo com o registro feito na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Centro, equipe da Polícia Militar foi informada sobre os disparos feitos na praça por volta das 19 horas. Os militares foram ao local e testemunhas contaram que os três suspeitos tinham fugido em um Siena.

A equipe fez buscas pelo bairro e localizou o carro, mas o motorista iniciou fuga. Eles entraram com o veículo na contramão e conseguiram entrar em uma casa. Os policiais foram atrás e renderam a dupla de 19 e 20 anos, mas houve resistência. Um dos militares fez um disparo contra o chão, quando conseguiram fazer a abordagem.

O jovem de 18 anos ainda conseguiu fugir e segundo os outros dois a arma de fogo estaria com ele. Igor dos Santos, de 20 anos, acabou preso em flagrante. Ele estava com duas munições no bolso e foi constatado que o rapaz que fugiu é irmão dele e seria quem fez os disparos de arma de fogo na praça.

Já o rapaz de 20 anos, João Vitor, seria primo dos outros dois e era quem dirigia o Siena. Ele responderá por direção perigosa em via pública e falta de habilitação para dirigir. Já Igor deve responder também por resistência, além de porte ilegal de arma de fogo. O outro jovem foi identificado e deve responder pelos disparos.

Jornal Midiamax