Polícia

Polícia destrói acampamentos com 8,5 hectares de maconha na fronteira

O Departamento Antinarcóticos da Polícia Nacional do Paraguai destruiu nesta terça-feira, em Pedro Juan Caballero, acampamentos com mais de 8,5 hectares de plantação de maconha. A ação foi realizada na colônia Piray, distrito da cidade paraguaia de Capitan Bado, na fronteira com o município sul-mato-grossense de Coronel Sapucaia. Além dos 8,5 hectares, também foram encontrados […]

Renan Nucci Publicado em 07/05/2019, às 18h55

Foto: Porã News
Foto: Porã News - Foto: Porã News

O Departamento Antinarcóticos da Polícia Nacional do Paraguai destruiu nesta terça-feira, em Pedro Juan Caballero, acampamentos com mais de 8,5 hectares de plantação de maconha. A ação foi realizada na colônia Piray, distrito da cidade paraguaia de Capitan Bado, na fronteira com o município sul-mato-grossense de Coronel Sapucaia.

Além dos 8,5 hectares, também foram encontrados 350 quilos de maconha picada, 50 quilos de semente e sete quilos em tabletes. Ao todo eram oito acampamentos com diversos utensílios e ferramentas usadas nas diversas etapas de produção da droga. Tudo foi incinerado pela equipe policial.

De acordo com o site Porã News, a ação teve início momentos antes de os traficantes iniciaram os trabalhos. O objetivo foi o de causar prejuízo ao crime organizado que age na região, enviando carregamentos de maconha para o Brasil, via Mato Grosso do Sul.  “Nossas ações buscam dar prejuízo aos financistas do narcotráfico”, disse o comissário do Antinarcóticos, Rutilio Ramirez. Ninguém foi preso.

Jornal Midiamax