Polícia

Motorista de aplicativo sofre sequestro relâmpago e acaba abandonado na Gameleira

Um motorista de aplicativo viveu momentos de terror na mão de bandidos durante um sequestro relâmpago, na manhã deste sábado (16), em Campo Grande. A vítima foi acionada para uma corrida e acabou sendo vendada e assaltada por um trio. Os criminosos levaram o jovem para uma residência onde ele ficou rendido por 5h até […]

Bruna Vasconcelos Publicado em 16/03/2019, às 14h52 - Atualizado às 16h42

Foto: Ilustração / Internet
Foto: Ilustração / Internet - Foto: Ilustração / Internet

Um motorista de aplicativo viveu momentos de terror na mão de bandidos durante um sequestro relâmpago, na manhã deste sábado (16), em Campo Grande. A vítima foi acionada para uma corrida e acabou sendo vendada e assaltada por um trio. Os criminosos levaram o jovem para uma residência onde ele ficou rendido por 5h até ser colocado no porta-malas de outro veículo e abandonado na estrada da Gameleira.

Conforme boletim de ocorrência, o motorista, de 22 anos, foi acionado pelo aplicativo para fazer uma corrida do Centro até o Coophavila com 3 passageiros. No meio do trajeto, um dos indivíduos mostrou uma arma de fogo e anunciou o assalto. A vítima, em reflexo, segurou a arma e entrou em luta corporal com o suspeito.

Ainda de acordo com o registro, os comparsas que estavam no banco traseiro vendaram o motorista e o levaram até uma casa desconhecida onde havia mais três homens. Quando chegaram no local, três assaltantes saíram com o carro da vítima e os outros quatro criminosos ficaram “cuidando” do refém até ser informado que só seria libertado quando o veículo roubado passasse a cidade de Sidrolândia.

Por volta das 7h30, os autores teriam colocado o jovem ainda vendado no porta-malas de outro carro e abandonado ele na estrada da Gameleira sem os documentos.

Jornal Midiamax