Polícia

Justiça manda soltar preso com pornografia infantil e acusado de estuprar garoto de 12 anos

A juíza Marilza Aparecida da Silva ordenou neste sábado (02) a soltura de um homem, identificado apenas como Ézio, preso nesta sexta-feira (01) após ser flagrado com material de pornografia infantil no celular. Ele já respondia denúncia de estupro contra um garoto de 12 anos em Dourados, a 225 quilômetros de Campo Grande. Segundo informações […]

Fernanda Müller Publicado em 03/02/2019, às 10h27 - Atualizado às 14h32

Foto: Osvaldo Duarte/ Dourados News
Foto: Osvaldo Duarte/ Dourados News - Foto: Osvaldo Duarte/ Dourados News

A juíza Marilza Aparecida da Silva ordenou neste sábado (02) a soltura de um homem, identificado apenas como Ézio, preso nesta sexta-feira (01) após ser flagrado com material de pornografia infantil no celular. Ele já respondia denúncia de estupro contra um garoto de 12 anos em Dourados, a 225 quilômetros de Campo Grande.

Segundo informações do site Dourados News, o acusado que é torneiro mecânico, mora próximo a região da casa da vítima e era conhecido pela família do garoto.

Populares acionaram a polícia na sexta (01) quando viram o acusado rondando a casa da vítima. Para a polícia, o torneiro se justificou dizendo que apenas queria conversar com o menino pois estaria ‘preocupado e chateado’ porque ele havia o bloqueado nas redes sociais.

Ézio foi preso em flagrante e em seu celular havia conteúdo de pornografia infantil. Em depoimento ele disse que é ‘obcecado’ por meninos e confessou o crime contra o adolescente . O acusado, que já  liderou um grupo de crianças e adolescentes de uma igreja em Dourados, ainda assumiu já ter praticado outros estupros.

Apesar do teor da prisão, a juíza considerou que Ézio possui problemas psicológicos e que ele teria se comprometido a fazer tratamento terapêutico.

Jornal Midiamax