Polícia

Homem com sinais de embriaguez morre ao cair da cachoeira do Inferninho

Homem identificado como Wilson de Arruda, de 60 anos, morreu na tarde desta sexta-feira (18) depois de cair da cachoeira do Inferninho, em Campo Grande. De acordo com testemunhas, a vítima aparentava estar embriagada. Luciano dos Santos, um cuidador de idosos que estava na cachoeira com a família, contou que o Wilson chegou ao local […]

Clayton Neves Publicado em 18/01/2019, às 14h59 - Atualizado em 19/01/2019, às 12h57

Foto: Marcos Ermínio
Foto: Marcos Ermínio - Foto: Marcos Ermínio

Homem identificado como Wilson de Arruda, de 60 anos, morreu na tarde desta sexta-feira (18) depois de cair da cachoeira do Inferninho, em Campo Grande. De acordo com testemunhas, a vítima aparentava estar embriagada.

Homem com sinais de embriaguez morre ao cair da cachoeira do Inferninho
Foto: Marcos Ermínio

Luciano dos Santos, um cuidador de idosos que estava na cachoeira com a família, contou que o Wilson chegou ao local em um veículo Chevrolet Celta cor preta. Ao descer do automóvel, ele foi visto andando com dificuldade por aparentemente estar alcoolizado.

“Eu estava dando informações para uns turistas que estavam aqui quando ele chegou. Desceu do carro cambaleando, foi para perto da cachoeira e caiu”, explica.

Equipe do Corpo de Bombeiros foi acionada, mas o homem não resistiu aos ferimentos e morreu antes da chegada dos militares. Oito bombeiros estão montando uma operação para fazer a retirada do  corpo e não há informações de a vítima teria se jogado ou caído acidentalmente.

*Matéria editada às 16h59 para acréscimo de informações 

Jornal Midiamax