Polícia

Guardas investigados por ligação com milícia vão para o Centro de Triagem

Estão no Centro de Triagem do Complexo Penitenciário do Jardim Noroeste, em Campo Grande, os três guardas municipais investigados por envolvimento com arsenal apreendido pelo Garras (Delegacia Especializada de Repressão a Roubo a Bancos, Assaltos e Sequestros). As armas possivelmente pertencem a uma milícia que, além dos guardas, pode ter policiais civis e militares. De […]

Renan Nucci Publicado em 28/05/2019, às 17h01 - Atualizado em 29/05/2019, às 08h10

Centro de Triagem de Campo Grande. (Arquivo, Midiamax)
Centro de Triagem de Campo Grande. (Arquivo, Midiamax) - Centro de Triagem de Campo Grande. (Arquivo, Midiamax)

Estão no Centro de Triagem do Complexo Penitenciário do Jardim Noroeste, em Campo Grande, os três guardas municipais investigados por envolvimento com arsenal apreendido pelo Garras (Delegacia Especializada de Repressão a Roubo a Bancos, Assaltos e Sequestros). As armas possivelmente pertencem a uma milícia que, além dos guardas, pode ter policiais civis e militares.

De acordo com a Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário), Marcelo Rios, preso em flagrante com o armamento dia 19 deste mês, no Jardim Monte Líbano, está no presídio desde ontem. Ele havia encaminhado ao juiz da 1ª Vara Criminal pedido de transferência urgente do Garras, onde estava recolhido sem isolamento, alegando medo de morrer.

Os dois colegas dele, presos por obstrução da justiça, chegaram ao presídio nesta terça-feira, por volta das 15 horas. Eles estavam coagindo testemunhas do caso. Marcelo foi preso ao ser abordado por policiais do Garras na rua Rodolfo José Pinho. Com ele, os agentes encontraram pistola e munições.

Já em uma casa, no bairro Monte Líbano, foi encontrado um arsenal de grosso calibre avaliado em mais de R$ 200 mil. Ao todo, foram encontradas quatro carabinas 556, 11 pistolas nove milímetros, uma arma calibre 12, outra arma longa calibre.22, um revólver 357, quatro pistolas .40, um calibre 380, uma pistola calibre 22, além dos dois fuzis AK47 e equipamentos.

Jornal Midiamax