Polícia

Mataram jacaré na pista após atropelamento e foram presos por arma no carro

Na madrugada desta sexta-feira (18), dois homens de 60 e 34 anos foram detidos por portarem ilegalmente uma arma de fogo na Rodovia MS-339, região de Bodoquena, a 260 quilômetros da Capital. Eles foram flagrados transportando um jacaré morto na carroceria da picape, o que chamou a atenção da polícia. O homem de 34 anos […]

Renata Portela Publicado em 18/10/2019, às 08h55 - Atualizado às 13h17

Caso aconteceu em fazenda de MS (Arquivo, Midiamax)
Caso aconteceu em fazenda de MS (Arquivo, Midiamax) - Caso aconteceu em fazenda de MS (Arquivo, Midiamax)

Na madrugada desta sexta-feira (18), dois homens de 60 e 34 anos foram detidos por portarem ilegalmente uma arma de fogo na Rodovia MS-339, região de Bodoquena, a 260 quilômetros da Capital. Eles foram flagrados transportando um jacaré morto na carroceria da picape, o que chamou a atenção da polícia.

O homem de 34 anos conduzia a Fiat Strada e tinha o homem de 60 anos como passageiro. Os policiais militares flagraram a dupla com o jacaré na carroceria do veículo e atrás do banco do motorista encontraram a carabina calibre 22, desmuniciada, além de três munições.

O condutor assumiu a propriedade da arma e questionados sobre o jacaré, eles contaram que atropelaram o animal na estrada e o homem de 60 anos acabou sacrificando com uma faca. Eles decidiram levar o jacaré para consumo, já que estava morto.

O caso foi registrado como porte ilegal de arma de fogo de uso permitido e matar, perseguir, caçar, apanhar, utilizar espécimes da fauna silvestre, nativos ou em rota migratória, sem a devida permissão, licença ou autorização.

Jornal Midiamax