Polícia

Depósitos na rota dos cigarreiros armazenavam 9 milhões de maços contrabandeados

Depósitos de cigarros desmontados na segunda-feira (30) em ação da Polícia Federal de Naviraí, em Itaquiraí, a 402 quilômetros de Campo Grande, armazenavam ao todo 9 milhões de maços contrabandeados avaliados em aproximadamente R$ 2,7 milhões.  A equipe policial, que realizava buscas pela região, encontrou 100 caixas de cigarros paraguaios armazenados numa casa localizada no […]

Renan Nucci Publicado em 01/10/2019, às 13h46 - Atualizado às 19h58

Cigarros apreendidos pelos policiais. Foto: Divulgação
Cigarros apreendidos pelos policiais. Foto: Divulgação - Cigarros apreendidos pelos policiais. Foto: Divulgação

Depósitos de cigarros desmontados na segunda-feira (30) em ação da Polícia Federal de Naviraí, em Itaquiraí, a 402 quilômetros de Campo Grande, armazenavam ao todo 9 milhões de maços contrabandeados avaliados em aproximadamente R$ 2,7 milhões. 

A equipe policial, que realizava buscas pela região, encontrou 100 caixas de cigarros paraguaios armazenados numa casa localizada no Assentamento Sul Bonito. No local, foi preso em flagrante delito, pela prática do crime de contrabando, um homem que guardava os produtos.

Dando continuidade às investigações, os policiais descobriram outro depósito, ainda no mesmo assentamento, onde estavam escondidas cerca de 700 caixas de cigarros paraguaios e um semi reboque carregado com mais cerca de 1.000 caixas do mesmo produto.

O flagrante foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Federal de Naviraí e os materiais apreendidos foram entregues à Receita Federal do Brasil, para posterior destruição. A Polícia Federal de Naviraí teve apoio da Polícia Federal de Guaíra (PR), do Bope (Batalhão de Operações Especiais) da Polícia Militar e Força Nacional de Segurança Pública.

Jornal Midiamax